domingo, 17 de junho de 2018

DE QUE JEITO?

          
            Baiano não era má pessoa como dizia a patuleia. Está certo que o viram  pegar dinheiro de um mendigo, mas ninguém disse que eram moedas com as quais pagou o ônibus de volta à casa e que no chapéu, de onde as tirou, ele deixou uma nota de dez. Também falam que fica puto quando tocam a campainha da casa dele, mas não dizem que só o faz quando querem sacaneá-lo. O que de fato o exaspera a ponto de gritar com quem se atreve.  A turma espraguejou quando a menor de 14 anos, usuária de drogas, foi acolhida na casa dele.  Mas ninguém viu que a avó, de 76, que morava na rua por conta do vício da neta, também foi morar com ele. O mundo é assim mesmo. Malicioso e mal agradecido. Quando alguém faz alguma coisa errada, mil dedos apontam para o seu nariz.       O mesmo acontece com quem vive para a caridade. 
- Não bajulemos os demônios ou  subjugamos o bem. 
Muitas pessoas deixam de ajudar por medo de arder na fogueira do ódio dessa gente. 
Uma vez - disse-me Baiano - foram à sua casa pedir agasalho para moradores de rua. E como tinha dois iguais cedeu o que não era tão bonito o que deu a entender que só o tinha dado por achá-lo feio e não por generosidade. Gente, colcha não é artigo de decoração, mas sim inibidor de frio. Só isso!
Hoje eu soube que Baiano encheu o tanque da Van antes de partir para  Nova Friburgo onde, em 2011, ajudou as vítimas da chuva que por pouco não sucumbiram na lama. Só que desta vez será ele quem vai pedir que venham ao Rio doar sangue, pois a greve dos caminhoneiros deixou a zero aquele estoque.  Esse cara com certeza arcará com todas as despesas trazendo e levando essa gente bondosa de volta à sua cidade. Custo irrisório às vistas de quem pensa fazer o bem, mas será dinheiro jogado fora aos olhos dos pessimistas. Algumas mulheres, certamente, estarão entre eles dando motivos às línguas do mal para criticar quem não cruza os braços quando chamado. 
Já falaram que Baiano não é boa pessoa ou já  o teriam fisgado para marido. Enquanto a gente fala dos outros os outros falam da gente. Enquanto eu faço o mal para muitos, praticando o bem, a maioria não faz nada agravando o caos. De qualquer maneira não vamos perder as esperanças, mesmo que garantam que a felicidade é efêmera como a vida, e não eterna como é a morte.

20 comentários:

  1. Claro que não se pode perder as "ESPERANÇAS" e BAIANO é como outro qualquer ... com defeitos e qualidades!
    Que seja um BELO de ... um DOMINGO!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro quando os meus
      textos têm os olhares
      de Gracinha.

      Beijos, meu anjo. Bjs.

      .

      Excluir
  2. Bom dia. Muito bom o seu texto. Adorei ler! :))

    O meu semblante, perde-se, na melancolia { BC- Poetizando...}

    Bjos
    Votos de um óptimo Domingo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conte com a minha presença
      naquela página bonita.

      Um beijão ao casal mais ro-
      mântico da net.

      .

      Excluir
  3. A vida segue de toda forma,
    o amanhã chegará quer queiramos ou não.
    E infelizmente
    as pessoas são assim desse jeito
    como seu texto tão bem diz.
    Nem sempre o que age correto é visto
    como como tal.
    E o personagem nos deixa
    o exemplo: cada uma faz sua parte.
    Bem vindos(s)!
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando você fez esse comen-
      tário estávamos eu, você e o
      seu agradável marido curtindo
      uns dias naquela praia e você
      nada me disse...
      De qualquer maneira estou mui-
      to agradecido pelas palavras
      que disse aqui. Quanto aos
      cinco dias junto, adorei.

      Um grande abraço e obrigado a
      você e ao seu marido por terem
      ido me ver.

      .

      Excluir
  4. Bom domingo Silvio
    e felicidades para todos os baianos,
    sejam eles a ajudar os outros, ou os outros a ajudar a eles
    Angela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um grande beijo de
      agradecimento pela
      visita e pelas pa-
      lavras, querida An-
      gela.

      .

      Excluir
  5. Boa tarde, O Baiano tem tudo para ser uma excelente pessoa, só que para a mesma atitude existe sempre os dois lado, o bom e o mau, o desinteressado e o do oportunismo, prova que tudo ou quase tudo é relativo.
    Boa semana,
    AG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem toda a razão.
      Infelizmente qualquer
      lobo comprar pele de
      cordeiro se quiser.

      Um grande abraço e obri-
      gado pela presença.


      .

      Excluir
  6. Gostei de ler. A minha avó sempre me dizia, que cada vez que apontamos um dedo a alguém os outros apontam para nós.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua avó, assim como a mãe
      da minha mãe é sábia.
      Isso porque sempre estarão
      vivas na lembrança da gente
      se um dia esse anjo nos fal-
      tar.

      Um beijo, Elvira querida.

      .

      Excluir
  7. Colar letreiros nas pessoas é muito fácil.
    Depois, de quando em vez, apanhamos uma surpresa.
    Hoje refiro-me a esse fenómeno com Melania Trump.
    Mea culpa.
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou inteirado da coisa.
      Um abração também, Pedro.


      .

      Excluir
  8. Meu querido poeta, boa tarde! oitadiunho do baiano vitimado pelas línguas venenosas. O povo do mundo está assim mesmo, não executam, nem deixa os outros executarem, O melhor é fazer o bem sem olhar nem escutar os inoperantes.
    bjs querido!
    Semana de paz , desejo a ti!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você ouviu os fogos,
      querida Diná, ouviu?
      Sempre que você vem
      por aqui a turma faz
      festa e quando não faz,
      eu faço.

      Um beijão, meu anjo.

      .

      Excluir
  9. Gracias en el blog hay un traductor por si te puede servir para seguir leiendo.
    Gracias por tu paso significa mucho ya que un personage que me hace la vida imposible diciendo que le copio poemas y muchos seguidores se han ido
    Besos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nas dificuldades eu uso,
      sim, o tradutor, querida
      Anna.
      Quando ao que dizem, não
      ligue, pois eles é que
      têm que provar a veracidade
      da coisa.

      Um beijo grandão, tá?


      .

      Excluir
  10. Passando pra ler as novidades...bom texto hem!
    Beijos petropolitanos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você gostou eu estou
      feliz. É com essa intenção
      que eu faço as postagens.

      Beijos e obrigado, Sandri-
      nha.

      .

      Excluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.