segunda-feira, 5 de agosto de 2013

EU, DEUS E O PAPA.


A minha religiosidade não está em questão e 
muito menos a minha fé.  Mesmo assim eu quero acreditar no seu deus ou no deus de qualquer um sem a necessidade de espalhar tal fato por aí, até porque, a minha opinião ou o meu modo de viver a vida não melhoraria o mundo em nada e muito menos me faria excelente ou pior do que alguém.
Essa lição a mim foi dada com a presença do papa no Brasil. Durante todo o tempo em que esteve aqui não  falou mais ou menos em Deus e em Jesus do que os frequentadores da igreja que vivem tomando o santo nome do senhor em vão. 
E o fez sem pieguice. 
Ao pontífice importava tão somente um mundo justo e solidário. Talvez a cama do avarento que more num castelo não descanse tanto, como os jornais descansam o mendigo que divide a pequena marquise.
Ninguém passa impune com a ostentação. 
E o papa nos deu essa lição, mesmo que para mim não fosse importante saber de qual religião é soberano. O importante, no entanto, é a mensagem e o exemplo que nos passou.
Quem doa ou divide prova que se importa com o próximo. Não vamos tirar a importância dos que doam tudo para viver como os que nada têm. Importa bastante, mas o que dizer dos que dividem a marmita com quem não  tem o que comer? 
É necessário que se tenha um deus para acreditar. É preciso que se tenha fé para que se possa crer em si e nas probabilidades. Para se acreditar na cura dos males e na vida que nos foi dada.

- Esta foi a mensagem do chefe da igreja ao povo de todos os credos e todas as raças e que também é a minha, mesmo não tendo exemplos com os quais 
eu possa me envaidecer. (Foto da Internet)

33 comentários:

  1. Concordo contigo. E uma coisa, pra mim é certa, sou uma pessoa que pra mim a primeira impressão e o olhar diz tudo e nas duas opções ele está aprovado, ao contrário do outro que assim que vi, não gostei e principalmente do seu olhar, incomodava-me. Parabéns, ótima postagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom falar
      com quem entende
      a nossa fala.
      Adoro quando você
      comenta.

      Um beijo.


      .

      Excluir
  2. ...o ato de solidaridade pode e deve caber em todos os corações...mas quando vejo um pobrezinho repartindo o pão com outro irmão, nesse sim eu vejo uma alma generosa capaz de sentir a dor do outro na própria carne, e portanto o verdadeiro praticante e seguidor dos ensinamentos de Cristo tão bem representado na figura carismática do Papa Francisco....você, como sempre, ótimo com as palavras....um beijo, poeta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse papa é papo 10.
      Acho que estamos bem
      servidos quando a isso.

      Uma beijoca e obrigado
      por comentar o texto.



      .

      Excluir
  3. Olá Silvio.
    Perfeito o seu texto. Você resumiu bem tudo.
    Bom dia e boa semana.
    Um abraço.
    Jussara
    Caminhando na Arte

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jussara, você é muito
      bem-vinda.
      Escolha um canto da página,
      puxe uma cadeira e deixe-se
      ficar pelo tempo que quiser.

      Um beijo e obrigado por ter
      vindo e comentado o texto.


      .

      Excluir
  4. Bom dia, bom começo de semana
    hj vim te convidar para comemorar
    meu aniversário, quero dividir minha
    alegria e oferecer um pedaço de bolo
    Venha que a festa já está começando
    Bjuss carinhosos
    ♫•*(¯`v´¯)¸.•*✿ღ
    *◦.(¯`:✿!:´¯) ✿ღ
    *✿.(_.^._)*•.¸¸.•
    ______________Rita!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns para você
      que aniversaria, mesmo
      que seja a gente quem
      receba os presentes do
      seu sorriso e de sua
      amizade.

      Beijos,


      .

      Excluir
  5. A passagem dele é um fato... Os atos que disso implicaram são divergentes... como você deixou bem claro em seu texto-depoimento! Gostei. Mas, é evidente de que se tem ainda muito por fazer... Até porque imensa é a diversidade humana!
    Abraço, Célia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Célia, como eu gosto
      dos seus comentários...

      Um beijo e obrigado
      por ter vindo.




      .

      Excluir
  6. Eu não tenho religião. Tenho fé.
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não tenho religião
      porque não concordo em
      dividir o pouco que eu
      tenho com quem nada lhe
      falta.

      Pobres à beira da miséria,
      assim como os que precisam
      de uma mão para se reerguer
      aí é outra história, outro
      post.

      Um beijão, amigo.



      .

      Excluir
  7. Bom demais dar o pontapé
    de inicio de semana lendo seu extraordinário
    texto a meia voz tendo outro alguém próximo
    e atento de costas para melhor ouvir.
    Gostei das Belas Verdades sobre um assunto Atual.
    Percebo Maravilhosa semana se Despontando
    para todos nós, ta.
    Bjins.
    Catiaho Alc./

    ResponderExcluir
  8. Poeta, com sua perspicácia soubeste fazer um comentário impar e perfeito. Vistes, como eu vi um homem religioso, revestido de uma missão plena de responsabilidade , na sua humildade nos dando exemplos de sabedoria e de fé na humanidade.Parabéns! Abraços Eloah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, professora.
      Como exulto com
      a sua presença e
      suas palavras.

      Beijos.

      Excluir
  9. Querido, hoje passei para te desejar uma linda semana. Volto logo mais com calma.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficou de voltar, mas
      esqueceu...
      Que pena eu fiquei de
      mim...

      Beijos.

      Excluir
  10. ELE ME PARECEU UM HOMEM MUITO CARISMÁTICO, DE UM SORRISO FÁCIL QUE SORRI COM OS OLHOS TAMBÉM. PARA MIM JÁ É UM PONTO A SEU FAVOR! EM TODA SUA FALA ELE PROCUROU TER UM DIÁLOGO CLARO E DE FÁCIL ENTENDIMENTO. SUAS PALAVRAS SABIAS E PRECISAS NOS FAZEM REFLETIR. ENFIM...GOSTEI. PARABÉNS! BELO TEXTO.

    ResponderExcluir
  11. É sempre bom compartilharmos nosos ideais!Apesar que achei o Papa um ser angelical e de boa personalidade!

    Amigo, se vc puder participar da Campanha Gesto Verde, vai ajudar o Planeta Terra e ainda terá uma árvore plantada para vc!Convide tb seus parceiros amigos da blogosfera.
    O endereço do site está no texto do meu blog, ainda no ar.
    Bjs e uma boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como eu digo abaixo,
      contribuí do meu jeito.

      Beijos.



      .

      Excluir
  12. Silvio Afonso:Além de vc colocar o "selinho" da Campanha Gesto Verde", é necessário e importante tb fazer um texto e postá-lo, divulgando a campanha para que outros blogueiros tb participem!
    Atingindo 500 blogs participando, todos nós receberemos uma árvore plantada por eles.Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para eu fazer um texto de
      quatro em quatro dias já
      arredonda o meu quadrado,
      mas seguir outras normas
      pode complicar o tempo que
      eu tenho para este blog.

      Pede outra coisa que eu
      faço, juro.

      Beijos.



      .

      Excluir
  13. Oi, Silvio. Penso que o mundo não carece de hipocrisia, e sim de ações. Essa me parece a proposta do novo papa, um mundo que fale e mostre menos e faça mais, incluindo nessa jornada todas as esferas. E concordo contigo... é preciso acreditar, ter fé, só ela nos move em frente com passos firmes. Adorei seu texto...um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo, Bia.
      Vamos gritar que o
      mundo é surdo.

      Beijocas, amiga.



      .

      Excluir
  14. Oi Silvio

    Sou imensamente grata à minha religião pelo caminho do bem no qual ela me colocou, pelas lições e ensinamentos eternos que dela recebi. À parte todos os erros e descaminhos pelos quais passa a religião, creio na essência que ela é capaz de despertar.

    A simplicidade que encanta, o alicerce da fé, do amor e da compaixão fizeram com que os dias de Francisco no Rio e em Aparecida tornassem o mundo bonito. A simplicidade encanta, a fé arrebata, o amor acolhe, nesse contexto não há espaço para o feio, ele se faz bonito. Deus fica palpável!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto muito de provocar
      você, pois só assim eu
      ouço o que invejo, gosto
      e preciso.

      Um beijão.



      .

      Excluir
  15. Olá td bem por aqui, vim agradecer seu carinho
    no meu aniversário, desejar sempre o melhor pra vc

    Venha participar do sorteio do meu Blog será bem vinda (o)
    Abraços
    Rita
    http://cantinhovirtualdarita.blogspot.com.br/2013/08/sorteio-do-cantinho-virtual-da-rita.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rita, desculpe o su-
      miço. É que a gente
      quase não tem tempo
      para as nossas coisas,
      já que vivemos em função
      de quem nos paga o salá-
      rio.

      Um beijo grande e mui-
      to obrigado por voltar.

      .

      Excluir
  16. Concordo, fiquei muito surpreso com a postura humilde desse Papa, sendo uma figura com status de ostentação e autoritarismo, vem ele e dar uma verdadeira lição de simplicidade como deveria ser todos os servos de Deus. Até porque pelo histórico foi essa a lição de Cristo, então não tem rasão para esse glamour dos lideres religiosos, a igreja católica esta muito bem representada.

    ResponderExcluir
  17. Foi um prazer tê-lo
    conhecido.

    Obrigado pela visita
    e pelo comentário.

    Um abração,

    silvioafonso






    .

    ResponderExcluir
  18. Oi!
    vim responder o seu oi e alô
    obrigado pelo carinho e pela visita
    bjs

    ResponderExcluir
  19. Penso que é da vontade de todos em ver uma nova Igreja surgindo, com menos pompa e mais humanizada, mais perto do povo. Gostei de seu Papamóvel aberto, da sua indisciplina com os seguranças em manter contato através do vidro aberto, da sua moradia no Vaticano junto com bispos, cardeais, sacerdotes e hóspedes; gostei ao vê-lo falar que não lhe agrada os jovens que não protestam... Falou claramente da corrupção no Banco do Vaticano, falou muito do egoísmo, da indiferença globalizada, da idolatria pelo dinheiro, inclusive por parte da Igreja. Tocou na perda de fiéis, dando exemplo de que a Igreja é mãe e não age como tal, não se aproxima, é como se uma mãe falasse com seus filhos através de cartas. Não admite religiões que briguem.

    Não sigo religião, mas gostei do 'Francisco'!Escolheu o nome certo...
    Grande abraço!

    ResponderExcluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.