quinta-feira, 10 de maio de 2012

SIMPLESMENTE, MARIA.

Foi nos seios de Maria que eu mamei a esperança da sobrevivência. Foi nos seios dela onde eu adormeci tão puro de maldade quanto puro era o doce olhar que por inteiro me cobria. Foi junto ao peito. No calor do colo dela que eu aprendi a primeira prece. Quantas vezes o azul dos seus olhos derretia lágrimas por sobre o meu pequeno corpo?  Poucas não foram as noites em que o seu soluçar  me  embalou o sono  e a febre apiedada  se esqueceu de mim.
Muitas e muitas vezes vi Maria choramingar a ausência do meu pai e quanto mais falta ele fazia, mais Maria me espremia junto ao rosto jovem e belo de mulher.
Foi ouvindo o palpitar daquele espezinhado coração que eu aprendi a compreender o tempo de cada coisa. O tempo do cultivo e do plantio, do colher e do armazenar para não faltar. O tempo de agradecer aos que, com ela, resistiram sem perder a fé no trabalho que premente se fazia.
Maria foi uma doce criatura. Não tinha sonhos, talvez nem tivesse vaidade. Era mulher de honra e de trabalho. De coragem e ousadia. Acordava cedo para madrugar na lida. Lavar, passar, cozinhar e cuidar para que os filhos não desgarrassem rumo aos perigos da rua, da marginalidade, dos vícios. Cuidava da ninhada como a galinha-choca dos ovos, cuida. Como a leoa da cria, a gata dos filhotes, como da roça, o lavrador.
Café da manhã, uniforme engomado;  Escola. Almoço, marmita embrulhada; Trabalho. Café da tarde, jantar; Formatura
- Assim foi a vida sofrida de Maria que levada nos braços, quase carregada devido a artrose, adentra ao enorme pavilhão de uma universidade pública aonde orgulhosa vê seu último filho, depois dos já formados, o mais novo, se tornar doutor.  
- Missão cumprida, Maria.
Quantas e quantas noites tu sofrias ao lado dos filhos que em véspera de provas não dormiam? Quantas orações ao te deitares tu rezavas para eles  esquecendo-te de ti?   Quantas vezes tua barriga reclamou de fome enquanto um  filho faminto, que chegava a noite do estudo e do trabalho, comia do pão o seu último pedaço?
Missão cumprida, sim.  Tão cumprida que os teus dias de força e de coragem, de viço e de beleza, como provam as fotos amareladas em cada canto dessa casa,  sucumbiram aos pés do tempo que pintou de rugas a bondade de tua face. 
- Maria era o nome dela, que felizmente ainda vive. Nome de valsa e de coragem, de conto de fada e resignação. Nome de santa, de água pura de nascente, de céu azul e noite estrelada. Nome de quero te amar enquanto vida eu tiver.  Nome doce,  nome de mãe,  que se esqueceu de ser mulher.

77 comentários:

  1. silvioafonso,
    Não ia comentar esse post, não nesse momento,
    porém com os olhos apertados de casaço do trabalho do dia,aguardava que o Al voltasse de ver o futebol que gosto que ele assista.
    Assim que entrou
    eu lia esse post e o convidei a ouvir a leitura e não
    pude deixar de ficar em
    pé e juntos gritarmos
    Bravo!
    A ela e a você,
    filho que sabe o valor que
    ter uma mãe tem.
    Belo post, bela homenagem
    de verdade.
    Não sei como consigo guardar o rosto dela que enquanto escrevo parece que me sorri...
    Bjins de gratidão entre sonhos e delírios

    ResponderExcluir
  2. Silvio em primeiro lugar quem tem a honra de te seguir sou eu, você sim é um escritor nato, eu sou apenas alguém que derrama os sentimentos de sua alma, uma amadora, que cultiva o costume de fazer amizades e regá-las com o amor mais puro que há que é o amor fraterno.
    Agora você me levou as lágrimas, linda homenagem para uma mulher guerreira, que ao amor materno tornou-a forte e invencível, parabéns a sua mãe e a você por linda homenagem, beijos Luconi

    ResponderExcluir
  3. O nome de nossa mãe...nunca olvidamos....

    A minha gratidão é imensa por teres participado no dia de aniversário do meu irmão. Meu beijo para ti. BShell

    ResponderExcluir
  4. Lindo,por mim que sou mãe e por minha mãe também.

    ResponderExcluir
  5. Olá meu amigo, aqui em Portugal já foi o dia da mãe. Quando eu era criança, era dia 8 de Dezembro, mas mudaram para o primeiro Domingo de Maio mês de Maria. Como viu minha postagem não fiz poema à mãe. Não tenho nada contra e adoro ler de quem os faz, mas eu tinha mãe e não tive mãe. Andei de casa em casa e isso me magoou e muito. Adorei a homenagem bem merecida a essa mãe que deixou de viver a vida dela, para viver a vossa. Grande mãe meu amigo. Parabéns e um grande beijo aos dois

    ResponderExcluir
  6. Que coisa linda, tocante, emocionante tua homenagem,Silvio!! Valeu muito te ler!Lindo demais! abração,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  7. Grande Maria!
    Representa a uma grande legião de mães que batalham diariamente em prol de seus queridos filhos.
    Bela homenagem Silvio.
    Xeros

    ResponderExcluir
  8. O nome que na sua essência já explica o fato de ser mulher,mesmo que não tenha tido "tempo" ou a sua vaidade não tem sido satisfeita em doar-se na forma mais plena.
    Seu texto não é um texto é uma gratidão e reconhecimento ,campo cheio de fartura ,mesa posta, aconchego e o melhor a presença dela se faz ao seu lado.
    beijo Silvio

    ResponderExcluir
  9. Linda homenagem!
    Minha mãe também é Maria...
    Como a Virgem Santíssima.
    Desejo muita paz e amor
    a todas as mães do mundo!!

    Beijos!♥

    ResponderExcluir
  10. emocionante sua homenagem! com certeza, todas as mães se viram refletidas em suas palavras...

    vou te seguir!

    beijosss

    ResponderExcluir
  11. muito bonito a maioria das mães são assim ! beijinhos keila e eu ja te sigo faz tempo .

    ResponderExcluir
  12. Amigo,Silvio.
    Uma das postagens mais linda que pude ler nesse dia que antecede o dia das mães.
    Maria..Amigo emocionante você comparar
    em seu texto as mães são todas Maria.
    Confesso seu texto é belíssimo
    me acaricida no coração.
    Feliz dia das mães meu amigo.
    Beijos..Evanir.

    ResponderExcluir
  13. Olá amigo Silvio, muito obrigada por teres me adicionado ao teu blog, tb o faço, e claro, só posso chorar de emoção por tão linda poesia. Uma mãe batalhadora, lutadora, que não mede esforços e amorosa por seus filhos. Um belo exemplo a deixar. Uma boa sexta feira prá você e até. Suzana.

    ResponderExcluir
  14. Olá
    obrigada pela visita, já estou te seguindo.
    Lindíssimo o seu poema e mais ainda sua admiração e reconhecimento por essa mulher que tudo fez pelos filhos!

    ResponderExcluir
  15. Lindo texto, Sílvio! Desejo muitas felicidades a dona Maria nesse Dia das Mães que se aproxima. Parabéns!

    ResponderExcluir
  16. Olá Sílvio! É um prazer recebe-lo no Sonhos! Como não comentar com emoção um relato tão forte e tão próximo de tantas realidades atuais?
    Quantas Marias vivem esse dia a dia, meu amigo...e em homenagem a essa Maria que lhe deu os seios para sobreviver, nada poderia ser mais terno e emocionante! Parabéns por reconhecer quem te criou tão bem, quem fortaleceu sua alma de poeta sensível, dando testemunho vivo de uma verdadeira Mãe!Deus os abençoe e é claro que vou seguir seu blog com muito carinho!
    Bjs. Josi

    ResponderExcluir
  17. Linda, magnífica homenagem..., mais expressiva acho impossível, parabéns!

    ResponderExcluir
  18. Olá Silvio, tudo bem? Linda homenagem, mainha tbm se chama Maria, e viva as Marias das nossas vidas. Seguindo seu blog. Obrigada pela visita e comentario no meu cantinho, abraços!
    Boa quinta!
    http://cmari.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Sílvio, você escreve muito bem e com muita autenticidade. Vou dizer com poucas palavras o que senti lendo essa comovente homenagem: Por um momento, eu queria ser essa Maria...Por um momento, eu queria ser sua mãe! Parabéns!Um beijo!

    ResponderExcluir
  20. Oi Sílvio,

    Presente foi para mim, descobrir-lhe...

    Muito me emocionei com esse seu lindo texto. Pelo visto, mamar nos seios de sua mãe, rendeu-lhe uma educação privilegiada. Afinal, não sei porque, mas quando uma belíssima homenagem sai de um filho (homem), eu dou uma consideração especial. Possuo comigo, que as mulheres são mais flexíveis e românticas que os homens, em geral. Elas soltam mais os seus sentimentos. Por isso, AMO quando descubro um homem assim, como você, que sabe expressar de maneira encantadora, os seus sentimentos...

    Beijos, meu mais novo querido amigo...
    Estou aqui a seguir-lhe, também.
    Obs: Parabéns ao criador de tantos talentos num blog só. Falo do "Blog Bar do Escritor".

    ResponderExcluir
  21. Linda homenagem Silvio! Mãe é tão especial no nosso coração, é nossa raiz, nos alimenta e sustenta. Amei! Gr. Bj.

    ResponderExcluir
  22. Ave Maria cheia de coragem, força e graça...

    Linda homenagem!!
    Emocionante!!!

    Beijos e boa noite!!!

    ResponderExcluir
  23. Um bigrafia de uma guerreira, heroína a dona Maria... que esteja em bom lugar!!!!

    ResponderExcluir
  24. Teria imenso prazer em conhecê-la amigo!!!!
    Tenho certeza que merece todo amor que lhe é dedicado.
    Obrigada e mando para ela meus sincera admiração e parabéns!!!!
    :D

    ResponderExcluir
  25. Obrigado amigo por ter se lembrado de mim. Estou dando um tempo, mas volto.
    Abração

    ResponderExcluir
  26. Belíssima homenagem, Silvio!
    As mães sem dúvida merecem todo o reconhecimento que dedicas à tua.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  27. Olá Silvio.
    Quanta honra recebê-lo em meu singelo cantinho. Foi um enorme prazer ler seu convite para conhecer seu blog e saborear uma homenagem vinda do âmago de seu coração. Quanta magnitude neste magnífico texto onde você esculpiu com maestria sua gratidão por Maria, a que te deu a vida. Toda mãe merece o reconhecimento dos filhos e você soube externar maravilhosamente esse sentimento. Parabéns! Agradeço a sua generosidade por aceitar-me na sua galeria de seguidores e espero muito em breve estreitarmos os laços desse nosso primeiro encontro. Tenha uma sexta feira de muita paz.
    Um abraço carinhoso.
    Gracita

    ResponderExcluir
  28. Olá Sílvio,

    Fiquei emocionada com tanto carinho, reconhecimento
    e amor.
    Grande MARIA! Guerreira Maria!

    Lindíssima a sua crônica. Uma bela e sentida homenagem!

    Um beijo grande à Maria pelo seu dia.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  29. Quanta inspiração meu caro! Lindíssimo seu amor poético,imagino o coração dê sua mãe ao ouvir! Abraço

    ResponderExcluir
  30. obrigada pelo convite,estou certa que virei aqui mais vezes.Bela homenagem !!
    bjs

    ResponderExcluir
  31. Lindo o seu texto e no lugar de Maria colocarei Geny são quatro letrinhas que representa para mim a perfeição de tudo que sou hoje na vida.
    Fiz tb um texto SER MAÊ. quando puder passe lá e dê uma lidinha.
    Representa hoje a Maria que sou e não fica muito longe de sua Maria.
    Bjus e te aguardo novamente no meu blog.
    http://cantinhodatoninha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  32. Oi Silvio!
    Vim retribuir a visita e fiquei absolutamente encantada com esta MARAVILHOSA homenagem. Homenagem não só a Maria sua mãe, mas a todas as mães. Realmente eu própria me senti homenageada com tuas palavras!
    Te peço permissão para repetir tua postagem em nosso blog. Seria uma honra para todas nós BLOGUEIRAS UNIDAS.
    Aguardamos contato!
    Tenha uma noite abençoada e dê um grande abraço em Maria!
    Siglea Mallet, administradora da parceria BLOGUEIRAS UNIDAS.

    ResponderExcluir
  33. Obrigada por aceitar nosso convite!
    Preciso que envie a postagem para meu e-mail, por favor!
    siglea.oliveira@gmail.com
    Aguardo ansiosa!
    Siglea Mallet - BLOGUEIRAS UNIDAS

    Aguardaremos tua visita neste link:
    http://blogueirasunidasjuntasemisturadas.blogspot.com
    Abraços!

    ResponderExcluir
  34. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  35. Boa noite Silvio!

    M.ulher guerreira,
    A.mante da vida.
    R.einou entre os filhos,
    I.ponente com sabedoria.
    A.h, querida Maria...
    M.ulher sábia, cheia de vida.
    A.mou teus filhos, tuas crias.
    E.special e sublime, é teu nome:

    MARIA!

    Foi um jeito carinhoso de homenagear teu texto e tua Mãe!
    Maria, Maria...Cuidastes de teus filhos como se fosse tua vida!
    Leoa protegendo-os sempre que podia
    Ah, doce Maria! Recebes tuas colheitas, sementes de Amor cultivados por teus filhos. Recebe como retorno de tuas lutas, o amor vindo deles. De cada um a seu modo, mas amor de filhos!
    Silvio teu poeta aqui te homenageia com louvor e a ti, linda Maria, justifica tanto amor por ti, sublime e adorada MARIA!
    Parabens pela homenagem a tua Mãe!
    Amor e vida de Mãe, deveriam ser eternos!! Abraços!

    ResponderExcluir
  36. Muito lindo eu que sinto a emoção de ser mãe pela primeira vez não tem como não me emocionar com tão lindas palavras obrigada pelo carinho bjs

    ResponderExcluir
  37. Mulher e mãe...cuja vida de sacrifício dedicou a seus filhos...sempre se deixando para segundo plano...Sim, Missão cumprida!

    Tua presnça em meu blog é, para mim, uma honra. O meu muito obrigada. BShell

    ResponderExcluir
  38. Cantar à mãe é cantar à vida e fazer tudo para a recordar em todos os dias da vida.

    ResponderExcluir
  39. Tu texto es una alabanza a todas las madres, aunque creo que ninguna aceptaría esa "misión cumplida" que escribes. ¿Cuándo cumple una madre? Las madres no cumplen, esa es la visión de un hijo que seguramente tiene que hacerse perdonar.
    Saludos cordiales.

    ResponderExcluir
  40. OPS! Já estou te seguindo! Rsrsr não existe mágica não! Para emagrecer ou você determina ou você determina,não têm outra escolha, caso contrário, tudo continua igual! Abraço

    ResponderExcluir
  41. OPS! Já estou te seguindo! Rsrsr não existe mágica não! Para emagrecer ou você determina ou você determina,não têm outra escolha, caso contrário, tudo continua igual! Abraço

    ResponderExcluir
  42. Linda homenagem. Mãe é um presente de Deus por tão grande amor por nós, não é mesmo?

    Beijos.

    ResponderExcluir
  43. Oi Silvio!

    Vim avisar que já fiz a postagem combinada. Aguardo tua visita para espiar e teu registro como seguidor de nosso blog.
    http://parceriaentreblogsdeartesanato.blogspot.com

    Aproveite para seguir nossos outros logs! Ficaremos muito contentes, com certeza!

    http://artesbysiglea.blogspot.com

    http://listadedivulgacaoblogueirasunidas.blogspot.com

    Que tal fazer tua inscrição em nossa parceria?

    Tenha uma noite abençoada!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  44. Olá Silvio! Vim retribuir o carinho e dizer que também estarei seguindo seu blog.
    Chego e aqui e já encontro essa lindeza de homenagem de encantar os olhos e o coração.
    Parabéns a ela, merecedora dessa homenagem e a você por tê-la feito.

    Um terno abraço

    ResponderExcluir
  45. Boa noite Silvio querido


    Que coisa mais linda teu poema...
    Amor é uma coisa inexplicável...
    Lindamente inexplicável.


    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  46. Silvio, quão belo é poder ler sentimentos tão nobres de um filho a sua mãe!
    Confesso que fico muito feliz, pois que tenho extremado apreço aos anciões, cujas energias foram sugadas pelos mais jovens , e cuja maioria parece esquecer-se de tanto empenho, tanto amor; aliás um amor incondicional, semelhante apenas ao Amor do Cristo jesus aos homens.
    Parabéns pela belíssima homenagem!
    Parabéns a ELA, e parabéns aos filhos que aprenderam a Amar suas mães!
    Sou Eunice, uma Blogueira Unida, n° 1548/49
    http://standup-levante-seedigaoquevocepensa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  47. Feliz Dia das Mães...!!
    Bom domingo, meu amigo...
    Beijos,

    ResponderExcluir
  48. Feliz Dia das Mães...!!
    Bom domingo, meu amigo...
    Beijos,

    ResponderExcluir
  49. Oi Silvio, estava no blogueiras Unidas e vi seu link, vim te conhecer. Estou com lágrimas nos olhos. Parabéns por captar com tanta clareza a vida de uma mãe. Minha mãe também se chama Maria. Acho que por isso me comovi mais ainda. Agradeço pela a oportunidade que a internet nos dá de conhecer pessoas de tanta qualidade. Muitas alegrias a vc e a sua mãezinha.
    Vou te seguir pra acompanhar seus textos.
    Até a próxima visita.
    BU - 1986
    http://www.esmaltesparacolorir.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  50. Muito bonita sua homenagem.
    Obrigada por deixar uma linda poesia no belezaf5.

    Desejo um ótimo fds!

    Beijos

    2 Sorteios Ativos | Twitter | Tumblr

    ResponderExcluir
  51. Muito lindo, realmente emocionante.
    Bjs para ti e tenha um domingo abençoado

    ResponderExcluir
  52. Belíssima homenagem!
    Bom fim de semana.

    Beijo da Nita.

    ResponderExcluir
  53. Uma linda e singela homenagem a sua mãe, sortudo és que ainda tens essa doce criatura. Fiquei lendo e imaginando quantas Marias há por aí,por esse mundo e depois de criarem seus filhos são abandonados como se nada representassem...Parabéns pela mãe e pelo teu reconhecimento, prova que tens um belo coração e sabes o valor da gratidão*
    Beijos para ela e que tenha um dia Abençoado juntinho de ti...
    Mery*

    ResponderExcluir
  54. oi! obrigada pela visita !
    também estou seguindo você rs
    um abraço e bom domingo

    ResponderExcluir
  55. Boa tarde Silvio,
    passei para deixar um abraço
    em tua Mãe e para tua esposa.
    Um FEliz dia das Mães!
    Deixo tambem um pouco
    dos meus beijinhos Matriarcais!

    ResponderExcluir
  56. TREMENDO TEMA!!! ME HA ENCANTADO.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  57. Sem mais, nem menos.
    Simplesmente Maria.
    Sem asas, nem brasas.
    Maria...Mulher.

    ResponderExcluir
  58. Voltei aqui nesse dia especial para dizer que sou grata por ter conhecido a que te deu vida, cuidados e
    que fez de ti o Ser que é.
    Parece que nesse dia o rosto da gente brilha,
    parece que alma da gente sai pra brincar de roda la nas nuvens
    e esquece da vida que ja teve antes do dia de hoje.
    Minha mãe foi também uma batalhadora, mas nunca vi em seu rosto o sorriso que vi na face de sua mãe.
    Aprendo muito lentamente e naquele dia aprendi que a gente só ri por fora se dentro esta em paz.
    Foi o que senti naquele abraço,exatamente no dia que eu
    eu completava 49 anos.
    Mas também aprendo com você e com mãe que é a Moça dos olhos da Cor da Mata que é possível estar junto e querida sem estar fisicamente perto.
    Peço licença a você pra dizer que amo sua mãe mesmo não convivendo com ela.
    Peço primeiro licença a suas leitoras e leitores.
    Peço licença a sua mãe e a você e também a menina que é menina, mas que parece gente grande, licença para dizer que amo a mãe que é a Moça dos olhos da cor da mata.
    E finalmente peço licença à sua mãe e a mãe que é a Moça dos olhos da cor da Mata para dizer que aprendo muito com o filho e amor das duas.
    Esse seu post virou uma filme em minha mente e é muito bom ler e aprender.
    Obrigada por tão belo momento que é
    ler e reler esse post em especial.

    ResponderExcluir
  59. Tudo muito bonito, espero que vc
    tenha passado um belo dia de domingo
    Vim deixar uma boa tarde
    E um beijo com frio por aqui
    Rita!!!

    ResponderExcluir
  60. Uma linda homenagem mesclada de ternura, cuidados e mimos para com tua mãe! Parabéns por ser filho que sente, vê e admira os dons de mãe! Tudo muito lindo e sensível aqui. Obrigada pela visita e por seguir o meu blog tão simples como eu. Deixo o meu abraço carinhoso e é claro deixo o meu rosto no mosaico de seguidores. Até breve.
    vanful.blogspot.com

    ResponderExcluir
  61. Uma linda homenagem mesclada de ternura, cuidados e mimos para com tua mãe! Parabéns por ser filho que sente, vê e admira os dons de mãe! Tudo muito lindo e sensível aqui. Obrigada pela visita e por seguir o meu blog tão simples como eu. Deixo o meu abraço carinhoso e é claro deixo o meu rosto no mosaico de seguidores. Até breve.
    vanful.blogspot.com

    ResponderExcluir
  62. Uma linda homenagem mesclada de ternura, cuidados e mimos para com tua mãe! Parabéns por ser filho que sente, vê e admira os dons de mãe! Tudo muito lindo e sensível aqui. Obrigada pela visita e por seguir o meu blog tão simples como eu. Deixo o meu abraço carinhoso e é claro deixo o meu rosto no mosaico de seguidores. Até breve.
    vanful.blogspot.com

    ResponderExcluir
  63. Meu querido amigo

    Por vezes é dificil comentar os sentimentos que saiem da alma de cada um...digo apenas que a sua alma é doce e a homenagem a sua mãe é muito linda.

    Beijinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  64. Linda mensagem e uma grande homenagem.
    Mãe é uma Deusa abençoada ... Deus confiou esse trabalho á todas as mulheres. Cuidar e amar seus flhos até os ultimos dias de suas vidas.

    Ótima semana!
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  65. Sou um pouquinho mãe dos meus netos, e foi com lágrimas de grande emoção que terminei de ler sua linda homenagem. Parabéns.Vou seguir seu blog, obrigada pelo convite.

    ResponderExcluir
  66. Olá, acho que consegui colocar-me como tua seguidora; não sei se fiz tudo correto.

    Venho para agradecer tua presença no Aniversário do meu irmão: ele ficou felicíssimo!
    BJ
    BShell

    ResponderExcluir
  67. Thank you for the comment on my blog! I am following you now and I would love you to follow mine too

    www.thesequincinderella.com

    ResponderExcluir
  68. Sílvio, aquele comentário foi muito sincero...E essa Maria, tem sabor de "missão sábia e perfeitamente cumprida"...

    ResponderExcluir
  69. silvio parabéns pelo post...tens muito talento!!!abraços

    ResponderExcluir
  70. Boa tarde Silvio, vim retribuir a visita e agradecer o comentario.
    Me senti honrada com a sua visita em meu blog, que na verdade era pra ser apenas um diario online.
    Por enqto meus pensamentos não dariam um livro, voltarei a escrever com mais frequencia!

    tenho um blog de artesanato se quiser visitar:

    www.stellahoffpatchwork.blogspot.com.br

    Bjs

    Stella Hoff

    ResponderExcluir
  71. SILVIO
    OBRIGADA pela visita e comentario no meu blog. Este seu texto é LINDO, COMOVENTE e me trás à memória a minha mãe, que já cá não está....e que saudades eu tenho dela.....quando perdemos uma Mãe perdemos uma parte do nosso coraçao
    e da nossa alma! Você deve sentir-se feliz por ter ainda a sua, mas ela também deve estar feliz por ter Você como filho, que sabe amá-la e dar-lhe tanto valor.
    um bjº, HELENA

    ResponderExcluir
  72. Oi meu amigo,
    Estou aq retribuindo tua visita tão carinhosa ao meu blog, volte sempre!
    Bjssssssssssssss...

    ResponderExcluir
  73. Belo poema contado
    em versos de frase de pura vida
    não compreendi o final
    como uma mulher assim
    esqueceu de ser mulher
    penso que ela lembrou
    completamente
    e ainda amou.

    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderExcluir
  74. Bela homenagem Silvio! Creio ser totalmente dispensável, qualquer palavra que possa dizer.
    Beijos

    ResponderExcluir
  75. Desculpe, não entendi. Mas se vc se referiu a seguir seu blog segui ali no cantinho meu nome aline_marquiti.

    ResponderExcluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.