terça-feira, 17 de abril de 2012

DÚVIDAS.


   O que deve ferir mais; a bofetada que se dá ou o tapa que se recebe? Eu, sinceramente já não sei. Um ladrão seria pior que um grande amigo? 
- O ladrão leva da gente o que deixamos que nos leve ou o que nos descuidamos em guardar. Já o amigo nos rouba o tempo que nem sempre a gente tem. Come em nossa casa quando nada ou quase nada temos na dispensa e ainda sai com a nossa melhor roupa nos deixando com um sorriso deste tamanho, na cara.
Um bom salário, por exemplo, deve ser aquele que nos permita adquirir qualquer coisa, mas seria suficiente um bom dinheiro para comprar um transplante quando o sangue não combina?  Neste caso renasce o dilema: o que seria melhor; muito dinheiro na conta, bons e prósperos negócios ou ser pobre, morar mal, mas ter saúde e viver sendo chamado de bobo por escarnecer a qualquer tempo, a qualquer hora e por qualquer coisa? Não sei. Juro que não sei. O importante, no entanto, é que se tenha o que for de nossa competência, mas que tenhamos com honra e dignidade. Que sejamos pobres de dinheiro, mas ricos de elegância e compreensão. Que tenhamos o suficiente para comprar um simples pão francês, mas que o amor nos seja tão grande que consigamos dividir com quem nem força pra pedir, tem. Eu não sei. Definitivamente eu não sei o que é certo e o que é errado, mas ladrão eu até me permitiria ser, porém com uma condição; poder roubar o sorriso daquela moça. Roubar ou furtar um beijo um abraço ou mesmo o atrevimento de saber-me forte para o trabalho, rico de bondade e corajoso o suficiente para tê-la, como a tenho, nos meus braços todas as noites no alto daquele morro  aonde moram os que pretendem viver com Deus. É com ela que eu vejo em nossa casa as sobras serem maiores que o todo.  O todo que temos, que conseguimos com a honestidade da nossa lida e com o amor que une o homem à mulher e à família, mesmo que a dúvida ainda me confunda.

63 comentários:

  1. Oie Silvio; eu não teria a menor dúvida em optar por estar bem e feliz. Creio que por mais dinheiro que tivesse, ele não seria capaz de comprar minha felicidade, se realmente não pudesse ter as coisas simples, nem as pessoas que me fazem feliz.
    Quanto ao ladrão... que Deus o tenha longe de nós. Porque ele nos rouba muito mais que o material que temos. Muitas vezes a vida e nossos sonhos.
    A menos que seja um ladrão encantador, galanteador, que roube beijos, carinhos, que saiba conduzir o objeto de desejo com maestria para alcançar a plenitude...
    A meu ver a distancia de Deus está em nossas atitudes e em nosso coração. Esses são fatores determinantes nessa questão.
    Belo post!
    Boa semana! Beijos

    ResponderExcluir
  2. O mundo necessita de mais ricos em amor.

    "Que sejamos pobres de dinheiro, mas ricos de elegância e compreensão".

    Belo e verdadeiro!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia!
    Mais um belíssimo texto!

    Beijo da Nita.

    ResponderExcluir
  4. Ei Palhaço Poeta,
    perdi o comentário que fiz, mas deixo pelo menos o texto que me lembra o título de seu bem escrito texto:
    "


    Se não puderes ser um pinheiro, no topo de uma colina,
    Sê um arbusto no vale mas sê
    O melhor arbusto à margem do regato.
    Sê um ramo, se não puderes ser uma árvore.
    Se não puderes ser um ramo, sê um pouco de relva
    E dá alegria a algum caminho.

    Se não puderes ser uma estrada,
    Sê apenas uma senda,
    Se não puderes ser o Sol, sê uma estrela.
    Não é pelo tamanho que terás êxito ou fracasso...
    Mas sê o melhor no que quer que sejas.
    Pablo Neruda
    "

    Linda postagem
    Bom dia entre sonhos e delírios

    ResponderExcluir
  5. Belo texto!!! São tantas dúvidas mas acho que o mais importante termos saude e felicidade!

    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Eu sinceramente, também não sei!
    Ou talvez até saiba, preferindo não saber...
    A verdade é que o dinheiro hoje em dia leva as pessoas a ficarem igual a ele - gastam-se depressa!
    Entre o ladrão e o amigo, prefiro o amigo (verdadeiro), esse tudo o que "rouba", acaba sempre devolvendo (às vezes a dobrar).

    A minha casa é simples, dispensa futilidades que outros acham que não vivem sem...considero esse tipo de riqueza demasiado efémero...todas as coisas se gastam ou se partem, os carros deixam de funcionar, os jarrões de porcelana acabam se partindo...ah! Quase me esquecia - E tudo passa de moda!

    Sem qualquer tipo de dúvida ou confusão, digo que é essa honestidade e amor de que fala que valem a pena!

    (Não fui a primeira :(, mas o comentário foi compridoooooo)

    Beijo
    Sónia

    ResponderExcluir
  7. Com certeza o mundo precisa de mais amor.

    http://luxury-makeup.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Olá bom dia pra você,visito seu Blog
    e deixo aqui um abraço pela postagem
    sempre gratificante ,que gosto muito!
    Bjussss com carinho!
    Minha frase de hoje!

    Se um dia errei,aprendi com o Tempo
    Que a minha maior virtude,é reparar
    a Tempo meu erro.

    (Rita Sperchi)

    ResponderExcluir
  9. Bom dia Silvio Afonso.
    Penso que seja melhor levar
    o tapa do que dar a bofetada,
    pois odeio a violencia, mas se
    tiver que apanhar, que seja eu,
    e não alguem que não mereça.
    Quanto a duvida, tambem as tenho,
    nunca saberemos o que é o cert ou o errado nessa sociedade hipocrita, mediocre que nos rouba a felicidade todos os dias.
    Mas como voce terminou o texto, acredito que tu tens a FELICIDADE
    bem ao teu lado. A mulher dos solhos da cor da mata(Como diz Catiaho), um passáro lindo que canta e sussurra aos seus ouvidos, melodias de amor e carinho. Um passaro que com tuas asas fortes, te abraça e te protege. Cuida bem desse passaro, dessa cotovia que te encanta todos os dias. Ela sim, merece sua atenção, carinho e devoção, seguido e unigo pelo sentimento mais puro que uma mulher almeja "AMOR"! Seja poeta irreverente, escreva com a alma e o coração, sempre, mas lembre-se de fazer poesias, canções, melodias para aquela que realmente
    se faz presente como tua Musa, inspiração...Tua Esposa Linda e dedicada sempre! Tua alma gemea!Teu amor de outas reencarnações!
    Aplausos!"
    Desculpe, mas não resisti e me empolguei pronto!
    Abraços e todo respeito por voce e tua familia!

    ResponderExcluir
  10. Bom, como podes ver, não pude ser a primeira a comentar, mas confesso que seu blog foi uma grata surpresa. :o)
    Escreve bem e filosofa sobre a vida como às vezes me pego a filosofar. Só que, no meu caso, na maioria das vezes é em silêncio. Em silêncio para os outros, para mim é uma barulheira danada de conflitos.
    Gostei do texto, de verdade. Não tenho uma resposta universal para a sua pergunta ( é pior um ladrão ou um amigo ? ), mas tenho minha opinião: O pior é o ladrão! :o)O amigo, segundo o seu próprio conceito, no levaria o que deixamos de guardar ou o que deixamos que levassem, mas quando vamos à casa dele visitar, jantar, compartilhar, a gente toma de volta toda a alegria que, alegremente entregamos a ele outrora.
    Seu post me lembrou de uma frase da qual gosto muito e por favor, perdoa a minha gafe por desconhecer o autor verdadeiro:
    “Um homem era tão pobre, mas tão pobre, que só tinha dinheiro.”

    Boa semana para ti!
    Rafa

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  15. Oie querido!
    Adorei o seu post, desculpa o sumiço, muito trabalho, falta de tempo e luto por aqui, assim que der eu volto.
    Beijo, beijo
    She

    ResponderExcluir
  16. Amigo boa tarde! Realmente retratas aqui um dilema e tanto!
    Principalmente no que se diz a riqueza em dinheiro vs a riqueza de espírito e saúde.
    Realmente gostei deste seu espaço um blog de bom gosto com textos bem escritos. Parabéns!
    Uma linda tarde!
    Ange.

    ResponderExcluir
  17. Não consegui chegar a tempo de ser a primeira a comentar seu post... mas vim mesmo assim :)
    A vida é composta de dúvidas.. nem sempre encontramos a resposta adequada a nossas indagações.. e tão complexo é o ser certo" ou "errado".. depende muito dos valores cultivados por cada um.. certo que dentre todos há os que obviamente nem precisamos questionar.. é de praxe ser o correto. Mas de tudo, o que corre menor risco de se cometer erros, é seguir o coração e ser feliz!

    Um beijo em seu coração Silvio!

    ResponderExcluir
  18. Um belo texto, mas o dinheiro não trás felicidade, prova disso é muitas pessoas famosas estão cada dia mais no poço, cheias de depressão e não são felizes, ser feliz com dinheiro é essencial mais ter saúde,felicidade e paz, não existe dinheiro no mundo que pague por esses sentimentos! Shalom!

    ResponderExcluir
  19. duvidas sempre as temos, mas não devemos duvidar que o amor deve vir sempre primeiro
    bjs

    ResponderExcluir
  20. Silvio Afonso,

    A bofetada que se dá pode doer muito mais. Desde que o grande amigo não seja um ladrão, tudo bem. Honra, dignidade, compreensão e elegância são grandes pilares do caráter e educação. O amor é a nossa maior riqueza.

    Abraço e obrigada pela visita.

    ResponderExcluir
  21. O amor é a maiór riqueza e isso o mundo precisa ter. Lindo blog

    ResponderExcluir
  22. Com gestos bons se faz homens bons.

    Uma pincelada de encanto
    ao doce abraço dela
    que te leva a cada recanto
    onde uma esfera a mais
    seria como um beijo voador

    Adoro ler o que você escreve, estou louca para que chego o livre chegue logo. Mil beijos lindo Silvio.

    A Sonhadora.

    ResponderExcluir
  23. Meu caro Silvio,

    A vida parece ser assim, não? Este maniqueísmo que nos questiona, essa dualidade que nos aflige, essa eterna decisão diante do céu ou do abismo...As vezes pendemos para o yin, outras para o yang...Antíse filosófica da existência humana...
    Muito bom conhecer seu espaço de ecrevinhar palavras. Muito grata por sua visita em meu "baú" e pelas palavras de gentileza.
    Bjs.
    Genny

    ResponderExcluir
  24. Só sei que nada sei...


    Mas sei que essas letrinhas irritam. Eu mesma já as tive no meu blog e tirei. Tirei? Acho que sim.

    ResponderExcluir
  25. Tudo que o mundo precisa é de amor, amor e amor...
    Adorei a postagem!

    Grande abraço Silvio.

    ResponderExcluir
  26. Silvio, vim dizer Bom Dia e deuixar um beijo numa corridita, mas eu volto para te ler com a atenção que mereces, juro ;)

    até logo.

    ResponderExcluir
  27. "O amor tudo suporta,tudo alcança,tudo espera"...As dúvidas sempre nos acompanharão nesta vida, mas um dia veremos claramente.O importante aí é o desejo honesto de acertar.Obrigada pela visita.

    ResponderExcluir
  28. Boa pergunta... difícil saber o que é pior, levar a bofetada ou dar?

    Acho que depende da situação!

    beijos

    ResponderExcluir
  29. É pra refletir né?!

    Adoreii!


    Beijoquinhas :*
    Ótima 4ª feira ")

    ResponderExcluir
  30. Demorei mas apareci, ontem não liguei o computador acredita!!! Vicio que estou me livrando um pouco.
    Simplesmente amei todas as palavras, são sentimentos sinceros que quando saem do coração, são vais valiosos que qualquer quantia de dinheiro, quando uma pessoa se doa no que sente, não tem dinheiro que pague! E você se doa inteiramente nos textos.
    Eu simplesmente amo de paixão palavras assim, bem escritas que fazem pensar e refletir, pois afinal sou uma eterna romântica, que passei pelos contos e literatura, e seu texto é digno de parabéns!!!
    eu fico com a opção de ser pobre mas morrer de amor...

    ResponderExcluir
  31. Um cesto de simplicidade com saúde, muito carinho e ainda as sobras do respeito e da honra.

    O modo como escreve encanta e nos faz pensar a sério naqueles valores que devem nortear a nossa vida.

    Entre o ter e o ser penso que este segundo tem realmente mais valor e se não soubermos viver com dignidade e respeito nada nos restará.
    A saúde na alma e no corpo é sem dúvida o melhor presente.
    Os amigos de verdade serão todos aqueles que vivem os mesmos sentimentos de partilha e de verdade com equivalência aos nossos.

    ResponderExcluir
  32. Olá!
    Verdade verdadeira esse seu texto.O importante é sabermos viver com dignidade e sabedoria.
    Grande abraço
    se cuida

    ResponderExcluir
  33. Meu amigo

    Um texto muito verdadeiro e real de que gostei muito.
    Tomei a liberdade de seguir para voltar com mais tempo.

    Deixo um beijinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  34. Gostei do belo texto como sempre

    Vim deixar meu bj e tbém levar
    o seu
    Abraços ...Rita!!!!

    ResponderExcluir
  35. Olá Querido,
    Obrigada pelas palavras,
    Fiquei muito
    feliz com sua visita
    lá no meu blog!

    Gostei muito do que vi
    por aqui!
    Parabéns pelo blog!
    Estou seguindo e
    voltarei mais vezes!

    Beijos Meus...*

    ResponderExcluir
  36. Olá Silvio, dúvidas sempre teremos, mas o que importa mesmo não são bens materiais, mas sim viver com dignidade, amor, saúde e sobretudo ser feliz com o que se tem.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  37. *Sílvio , acredito que NENHUM

    tipo de POBREZA seja BOM e que

    SER AMIGO do DINHEIRO é o primeiro

    passo para obtê-lo e poder

    usufruir de uma vida mais bela,

    confortável e saudável !!! :)

    (Esse papo de eu, meu amor e uma

    cabana ... nem em livro faz

    SUCESSO nos tempos de HOJE !!!

    Risos).

    ResponderExcluir
  38. Dúvidas que não tem neh Silvio.
    Que vc sempre escolha e decida pelo melhor.
    beijos ****

    ResponderExcluir
  39. Olá, amigo!!! Passando aqui para conhecer o seu blog e dizer que já estou te seguindo. Obrigado pela visita ao meu blog " Agenda dos Blogs" e eu te espero lá. Participe e divulgue seu blog. Bjs!!
    http://agendadosblogs.blogspot.com

    ResponderExcluir
  40. Minha opção é por viver com a consciência tranquila. A maior riqueza sem dúvida nenhuma é a paz de espírito! Passa no meu cantinho tem outro texto daqueles! Bjim!

    ResponderExcluir
  41. Bom dia Silvio!!
    Acho que sou muito rica; aprendi e pratico o amor ao próximo como um ritual sagrado e dele não abro mão. Assim sendo, o dinheiro tão necessário na nossas vidas, perde um pouco da importância e do valor. Parabéns pelo texto. Beijos
    DEUS TE ABENÇOE SEMPRE!!

    ResponderExcluir
  42. Oi Silvio!!
    Já seguidora sim. Seu blog está bombando e vc nem percebeu quando cheguei. Obrigada. Beijos!!

    ResponderExcluir
  43. Silvio, já sou seguidora daqui.. Um ótimo findi!

    ResponderExcluir
  44. OI Afonso,primeiro afradecer tua visita tão gentil lá
    no meu cantinho. Muito obrigada viu?

    Ahh, mas teu blog tem cunho cultural e isto muito me agrada. Essa crônica está excelente e muito bem escrita. Tudo na medida certa e a essência do texto traz a dúvida de todo ser humano - desde Shakespeare:
    SER OU NÃO SER: EIS A QUESTÃO!!

    Também escrevo, qualquer hora te mostro algo, ok?
    abraços da (nova) amiga.

    Te sigo e já sou fã. Vou te linkar no Artes em Pequenos Gestos.
    grande abraço

    ResponderExcluir
  45. ÓLA AMIGO POETA VIM LER ESTE TEXTO MARAVILHOSO FALANDO DAS DUVIDAS E SERÁS QUE TODOS NÓS TEMOS EM RELAÇÃO AOS ACONTECIMENTOS QUE NOS ACOMPANHAM PELA VIDA A FÓRA UM TEXTO LINDO SERIO E PROFUNDO QUE NOS CONVIDA A UMA REFLEXÃO SOBRE VALORES QUE AS VEZES ENVERTIMOS DANDO VALOR MAIOR AO QUE MENOS VALE ,PARABENS AMIGO GOSTEI MUITO UM ABRAÇO ÓTIMO FINAL DE SEMANA
    COM CARINHO MARLENE

    ResponderExcluir
  46. Dia difícil...bom estar aqui...me identifico. Amanhã estarei melhor...voltarei a ser eu mesma novamente...

    Beijos, Poeta!♥

    ResponderExcluir
  47. Gostei do texto.
    De como vc o descreve.
    Acontece com todos nós,
    mas a conclusão foi perfeita.
    Costumo comentar,que quando muito dinheiro entra pela porta,o amor sai pela janela.
    E quanto maior a ambição,maior é a batalha.
    Ontem em um curso que estou fazendo falavamos sobre o consumismo acelerado,baseado em um texto de Zygmunt Bauman.
    Ele vende muito,e muitos contestam por que ele vende tanto.
    Se ele fala tanto das verdades,do ser humano.
    Me indentifiquei com ele.Pois até então não o conhecia.
    Agradeço sua visita e comentário em uma postagem no meu blog.
    Já estou te seguindo também.
    Voltarei mais vezes.
    E espero a sua visita também outras vezes.
    Bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  48. Gostei do texto.
    De como vc o descreve.
    Acontece com todos nós,
    mas a conclusão foi perfeita.
    Costumo comentar,que quanto muito dinheiro entra pela porta,o amor sai pela janela.
    E quanto maior a ambição,maior é a batalha.
    Ontem em um curso que estou fazendo falavamos sobre o consumismo acelerado,baseado em um texto de Zygmunt Bauman.
    Ele vende muito,e muitos contestam por que ele vende tanto.
    Se ele fala tanto das verdades,do ser humano.
    Me indentifiquei com ele.Pois até então não conhecia suas obras.
    Agradeço sua visita e comentário em uma postagem no meu blog.
    Já estou te seguindo também.
    Voltarei mais vezes.
    E espero a sua visita também outras vezes.
    Bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  49. Boa noite, querido amigo Silvio.

    Nossa...
    Amei!!
    É tanta filosofia...

    Assim como você, eu prefiro o caminho que parece mais difícil de se trilhar, mas nos premia com uma consciência tranquila, e o sorriso que conseguimos provocar.

    Não tem preço.

    Desejo-lhe um lindo fim de semana.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  50. Lindo esta o seu texto Silvio,muito bom ler você beijos!

    ResponderExcluir
  51. Essa é uma de suas muitas
    qualidade e defeitos:
    filosofar.
    Jogar palavras ao vento.
    Bom fim de semana
    que lhe rendam
    a todos que o
    leêm muito filosofar.

    ResponderExcluir
  52. Oi Poeta, tudo bom!?!?
    Ah meu amigo se eu tivesse as repostas para estas perguntas te daria de bom grato...
    Mas se você , ou qualquer um, as soubessem , perderia o viço esta maravilhosa turbulencia interior que são as nossas questões eternas...
    Fique com as questões, com a elegancia, com a dignidade e com alguns tostões que mal não vão te fazer!
    Abraços meu amigo e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  53. Nossa Sílvio,que post lindo e que reflexão valiosa vc nos fez ter com essas palavras.
    No mundo de hoje pessoas priorizam o dinheiro e deixam que falte o amor,priorizam os bens materiais e deixam que falte alegria de viver,priorizam tudo o que o dinheiro pode oferecer,mas não param pra pensar no que o coração está tentando dizer,não é mesmo?!
    Fiquei imensamente feliz com o seu comentário lá no blog,fico muito satisfeita em ver que as pessoas gostam dos meus escritos,interagem comigo,passam carinho em seus comentários,enfim é muito gratificante.
    Quem sabe isso seja a sabe para o meu sonho de escritora,rsrs.
    Abração querido e um ótimo final de semana,=)

    ResponderExcluir
  54. Olá Sílvio,
    Vim fazer uma visita. Já fiz outras mas foram mais rápidas. Gostei do seu post. Entendo-o. É bom entender. A vida é cheia dúvidas.Cheia de momentos em que temos que parar e repensar tudo outra vez. Isso dá-lhe encanto, mas também dá uma grande trabalheira. Vou seguir o seu blog. Beijo.

    ResponderExcluir
  55. Brigada pela visita ja estou seguindo de volta.E adorei o blog. http://blogdavine.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  56. Oi Silvio, lindo e sensível , seu texto, parabéns, gostei muito !
    Beijo no ♥ !
    http://casascoisaseoutros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  57. Olá,
    Parabéns pelo blog! Estou seguindo.
    Segue lá também..

    http://www.estanteseletiva.com/

    ResponderExcluir
  58. "O poeta é como o príncipe das nuvens. As suas asas de gigante não o deixam caminhar." (Charles Baudelaire)
    Então chegue junto, menino poeta, para conheceres por minhas palavras as cores e cheiros da natureza. Seja muito bem vindo ao meu mundo. Meu blog se enche de orgulho em ter um moço poeta como seguidor.
    "Poetas vivem só nos corações
    São anjos, são pessoas, são Drummonds"... e podem ser também cílios da natureza.
    Beijos, paz, luz e vida.
    Volte sempre.

    ResponderExcluir
  59. Achei seu blog... uma bela postagem! Eu acho que existe um meio termo entre o certo e o errado, chamado 'equilíbrio!'...

    ResponderExcluir
  60. Ola Silvio!!! Obrigada pela visita!!! E volte sempre q puder acabei de ler o texto e gostei muito.....a vida se torna mais bela qd encontramos pessoas sensiveis, acho lindo esse dom de escrever ser poeta...parabens!!!

    Abracos rose jp

    ResponderExcluir
  61. ADOREI ESTE TEXTO ESTA LINDO.
    VIREI MAIS VEZES POIS GOSTEI DE SEU CANTINHO.
    BJS

    ResponderExcluir
  62. Oi Silvio,
    Adorei sua nova repaginada, ficou bem dinâmico!
    bjs
    juliana

    ResponderExcluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.