quarta-feira, 4 de agosto de 2010

PAI? QUEM SOU EU...

Há séculos, antes do descobrimento do Brasil, nasceu o meu primeiro filho. Com o tempo o País cresceu, ficou mais bonito e os meus outros filhos, dividindo o amor sem tamanho que eu tinha para lhes dar, fizeram de mim o pai coruja e responsável que eu sou com a sua vinda.
Ser mãe é obra divina, eu sei. Mas, pai? Talvez o criador não tivesse com o quê adjetivar o dele e por isso criou, amor. Foi amor o que eu tive pelo meu pai, e este é o mesmo sentimento que aperta o meu peito a cada vez que eu olho um, ou todos os meus filhos. Só eles tiram de mim o que eu mesmo não sabia que podia e se não faço mais é para não confundir o seu caráter e os cidadãos que eles são.
Arrepiam no meu corpo os pelos sempre que eu lembro do meu pai. Mastigo, mas não engulo o gosto adocicado de cada beijo recebido. Retempero para, do meu jeito, a minha moda, beijar os filhos que eu criei e que de felicidade me completam a cada dia.

silvioafonso

7 comentários:

  1. Simplesmente lindo de viver meu querido...
    Os filhos são herança de Deus...e nada é mais rico e abençoado que ser escolhido para cuidar dessa linda herança...e assim Deus criou o pai e a mãe...a mãe que com toda a doçura carregou e alimentou durante 9 meses...e o pai a sabedoria de provedor do lar...a responsabilidade de moldar a personalidade daquela nova vida que lhe foi dada de presente...
    Ser pai é uma benção de Deus...e vc expressou isso lindamente meu amigo...parabpens...
    Tenha uma linda noite meu querido...
    Bjs carinhosos....

    ResponderExcluir
  2. agradeço a visita, meu caro poeta

    grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Seres iluminados são assim...

    Com palavras tantas
    o devaneio
    se esvai...
    Sob o leve toque
    a calma que fôra
    agora lentamente
    retorna.
    Quase ninguém se
    apercebe,
    somente os que
    de sonhos cobrem
    suas almas...
    Os pais são assim
    dão tudo que tem
    e e felizes
    se contentam
    com esse outro ser
    que lhe olha
    de frente
    e nunca pensa
    em o deixar de
    bem querer.
    Pais são
    seres assim
    se dão
    sem nunca
    pedirem conta.
    Catiaho Alcantara entre sonhos e delírios

    Recebe silvioafonso
    esse versos
    pelo pai de valor que se
    ser vc.

    ResponderExcluir
  4. Se cair água dos olhos é também deslumbramento diante da sensibilidade.
    Creia me fizeste chorar, com estas doces palavras.
    Acho que PAI, é um embrulho cheio de belezas que guarda um conteúdo abarrotado de amor, cuidado, percepção, delicadeza, severidade quando necessário. Principalmente quando se está formando o caráter, & tudo isso é um elo nobre que se efetua por infinitos atos do pai e sua prole. E teu texto fala muito bem disso.
    Parabéns .
    Abraço.
    Fernanda.

    ResponderExcluir
  5. ..vc me diz que seus pais não entendem...mas vc não entende seus pais...são crianças como vc, e o que vc vai ser quando vc crescer...
    Feliz dia dos pais (se for ou se tiver)com bjks doce no ♥.

    ResponderExcluir
  6. querido amigo,
    lindissimo o que acabo de ver aqui.
    você é um pai maravilhoso.
    ainda mais na idade que estão os seus.
    deus te abençõe.
    silvio, obrigada pelo carinho nos recadinhos são uma delicia recebe-los você é um querido amigo.
    otima semana junto dos seus com carinho e bjos

    ResponderExcluir
  7. Muito lindo,Silvio.

    Ser pai é ser amor sempre.

    Quando não há amor,o pai é mero reprodutor.

    E vc teve a graça de ter filhos e amá_los.

    Portanto, a resposta a sua pergunta é:

    VOCÊ È UM HOMEM_PAI MARAVILHOSO!

    E UM AMIGO MUITO ESPECIAL E COM HUMOR,COMO GOSTO.

    Obrigada pelas visitas.Estou explorando seu blog tb.

    Um beijo,agora,com sabor de morango com chantily.


    Donetzka

    ResponderExcluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.