quinta-feira, 24 de junho de 2010

   

RUMO À FAMA, CUSTE O QUE FOR...

Finalmente a alegria voltou à nossas vidas. Mulheres, crianças, pessoas de todas as idades e cultura, cor e credo, vibram em cada lance dos seus ídolos favoritos. Aceleram os seus corações com um chute torto com pretensão ao gol do adversário ou ao seu, e eu, aqui distante também torço por nossas cores mesmo me lembrando de nossas crianças e dos seus pais menos favorecidos pela sorte, que esquecem durante a copa e diante de uma TV, que necessariamente não é sua , de todas as suas, mazelas, tristes amarguras. Torcem pelo seu País. Este mesmo País que virou-lhe as costas nos momentos cruciais de suas vidas. Torce por uma terra que joga o jogos que melhor sabe jogar. Joga o jogo dos nobres, dos sábios de cultura e de riquezas em um campo coberto não de grama natural ou sintética, mas de suor e de lágrimas, de tristeza e esperança. Torcem pela vitória da melhor, da mais querida entre todas as seleções e sofrem com a possibilidade de não vê-la deslumbrar à vitória, vitória que eles desconhecem porque sentem na própria pele a dor dos derrotados...
Avante, Brasil! Vamos ao Hexa, porque o resto não interessa.

silvioafonso.

9 comentários:

  1. Ótimo seu texto!!!

    Em um tempo de tanta "MARIA CHUTEIRA", eu definitivamente não faço parte da "PÁTRIA DE CHUTEIRAS". Não paro minha VIDA por conta de COPA DO MUNDO e muito menos ENTRO nessa HISTERIA COLETIVA; que em minha opinião é muito mais UMA IDIOTICE COLETIVA.

    Torcer pelo país em uma competição considero até saudável. Agora, paralisar a própria em função disso, aí é muita insanidade...

    Obrigada pela visita! Sempre muito agradável recebê-lo e ler seus textos carregados de IRONIA e DENÚNCIA SÓCIO-CULTURAL. TÔ CONTIGO E NÃO ABRO!!!

    MAS AMANHÃ, TENHO CERTEZA, ESTARÁ EM FRENTE À TV TORCENDO PELO BRASIL COM A CERVEJA NUMA MÃO E A CHUTEIRA NA OUTRA...

    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  2. E vamos rumo ao HEXa!
    Está lindo seu slide família.
    Bjs de luz. Goretti

    ResponderExcluir
  3. gracias por tu visita a mi website.
    Un saludos desde España
    besos

    ResponderExcluir
  4. É...tanta emoção...
    tantas verdas
    que assustam o coração
    tão bombardeado.
    Pois que seja.
    Verdades ...entre hus!ahãs!
    ate o ahh!
    e finalmente o gollll!
    Esse faz a casa, as casas ou habitações explodirem...
    Me da um aperto,um pouco d enão sei o que.Me encolho longe,aconchegada em mim ...silêncio e aguardo.
    Perfeito txto, diz tudo.
    Bjins entre sonhos e delírios

    ResponderExcluir
  5. Talvez por isso o Brasil é Penta, com chances de chegar ao Hexa! yhu. Por isso dizem que Deus é Brasileiro. É por causa dessa energia que vibra na época dos jogos, que os miseráveis esquecem-se de si mesmos , e ainda assim amam o país em que nasceram . São felizes realmente, e lá, com certeza, essa energia contagia.
    Boa noite amigo

    ResponderExcluir
  6. O que interessa, Querido Amigo de Inspiradas Palavras é estarmos e sermos felizes. Gostemos de futebol ou não...rsrs.

    Beijos mil, Menino Poeta!!!

    ResponderExcluir
  7. "Finalmente a alegria voltou à nossas vidas."

    mas sem futebol não alegria??

    ResponderExcluir
  8. Olá, amigo!

    Que belo texto!!

    Uma postagem consciente, crítica, mas leve e bem humorada...

    Quem sabe um dia aprendamos a usar toda essa energia também para reclamar nossos direitos e cumprir nossos deveres?

    Parabéns!!

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  9. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do blog seara de versos. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


    Abraços

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.