quinta-feira, 20 de maio de 2010

A TUA LUZ INCENDEIA A MINHA...

Chegou cansada, banhou o corpo e nem percebeu que eu chegara de viagem; caminhou para o quarto e se deitou. Uma camisola fina sobre a pele, por saber-se só, não cobria as relevâncias. Tive ímpetos de atirar-me sobre ela, mas a tempo travei os desejos e de pé, contemplei o vulto que jazia. Namorei, lambi com os olhos e derrapei em cada curva do seu corpo. Resisti enquanto pude, mas o relevo que as suas coxas não cobriam deu-me todos os motivos para que eu me atirasse naquele lago, nadasse nos meus desejos e afogasse cada minuto que passei sem ela. Delirei no primeiro toque, fiz curvas perigosas subindo e descendo morros, escorreguei quando tudo umedeceu. Botei a boca aonde os olhos não cabiam, detalhei seu rosto, desci pelo pescoço, deixei ali um beijo. Manobrei nos ombros para estacionar nos seios. Seios que pulsavam quentes como febre, macios como seda, eu os engoli. Lambi um a um enquanto os meus carinhos buscavam as evidências que as coxas espremiam, a minha boca, ali eu descansei. Fiquei horas na confluência desta estrada cujas pernas separei. Ela parecia não se dar conta da direção perigosa que eu fazia. não chamou um guarda ou um reboque, nada. Então eu dei um show de pilotagem; desgarrei as coxas e entre elas degustei o mel. O fogo que queimava a minha boca alastrou-se para onde eu lambia. Esfreguei nela as minhas loucuras enquanto as dela mordisquei no botão da sensibilidade entre as pétalas abertas no meu rosto. Não resistiu e serpenteou gemendo, abortou o sono. Mordi as coxas, me perdi nos labirintos dos seus pêlos. Fiz nascer e vi crescer a fêmea do cio que não morre. Seus gemidos, palavras sem ordem me faziam ir fundo nesta areia movediça. Sem proposta, manual ou guia eu andei em círculo, passava pelos pontos de partida e de chegada. Suavam os corpos, e o meu rijo atrevimento, com tristeza, faleceu dentro, no cemitério da alma dela...
silvioafonso

24 comentários:

  1. Noooooooooooossa...
    Nme me atrevo a me alongar no comentário pq ainda estou arrepiada com tudo q li e q sensação indescrtível.

    Vc é um gênio!

    ResponderExcluir
  2. Oh...Silvio...tu sabes o que vou fazer????
    Maridão vai ter que te ler e fazer igual...e ai dele se não me arrepiar como estou agora....huaschuaschuasch....
    Favor de não fazer mais propaganda de tu...é muito perigoso!!!!
    Sabes como ninguém descrever o início.o meio e o fim do desejo!
    MA-RA-VI-LHO-SOOOOOOOOOOOOOOO!!!

    ResponderExcluir
  3. Que sofreguidão,
    Paixão avassaladora,
    instantes mágicos
    sonho ou realidade
    Fantasia
    realização
    Pura satisfação
    em todos os sentidos.
    Neste dia , nesta hora
    queimavas em FEBRE com certeza.
    Daqui da tela pude ver fumaça
    sentir o calor, e
    quase sai correndo
    pra um banho a dois
    so não o fiz porque meu amor
    ta um pouco longe de mim.
    Beijos de boa noite.
    Um otimo FDS. E que choque esse de hoje, extrapolou sensualidade ...
    yhuuuuuuuuuuu

    ResponderExcluir
  4. Silvio,
    nem todos conseguem falar de sexo sem descambar para o vulgar, e você conseguiu. Parabéns!
    Extremamente sensual...adorei!
    Bom final de semana ;)

    ResponderExcluir
  5. Tu das a bandeirada e eu dou mais um cavalo de pau!!!!!!!!!
    Beijosssss....

    ResponderExcluir
  6. Uauauauuau!!!
    Adoro tuas visitas...
    Escreves como ninguém!!!
    Qualquer hora vou postar poema teu, vc me autoriza???
    Já tenho um pedacinho teu lá no meu outro blog!!!
    Não sei se já andastes p lá:
    http://faboni.spaces.live.com
    do lado direito ...numa lista PEDACINHOS DE AMIGOS MEUS.
    Beijos e obrigada pelo carinho!!!!

    ResponderExcluir
  7. Que luz! De tão ofuscante, tira as palavras! :)
    Bj

    ResponderExcluir
  8. Oi Sílvio!!!Quanta honra receber a sua visita no meu humilde blog.Não sou artista como você mas gosto de escrever.Desculpe não entendi o comentário que você colocou no meu blog no dia 21 de maio.Um abraço,BETZY...

    ResponderExcluir
  9. Não entendi os cometários que você colocou no meu blog dia 21 de maio.
    Nem chego aos seus pés,concordo,mas também não tenho a pretensão disto.BETZY

    ResponderExcluir
  10. Silviooooooooooooo...não tem como ler o que escreves no meu blog...e não ficar arrepiada!!!
    Vc é bom naquilo que faz!!! Parabéns!!!
    Mil beijos !!!!!

    ResponderExcluir
  11. Se quiser ajuda pra trocar o template é só avisar, tá? Estou à sua disposição, poeta.

    ResponderExcluir
  12. Quanta intensidade e paixão! A última frase é linda!

    ResponderExcluir
  13. Sílvio muito prazer! Sou a professora Carla Fernanda e vim te agradecer a poesia postada em meu blog. Dediquei um post especial para ela. Adoro poesias. Gostei muito da sua generosa oferta. Obrigada! Conta comigo!
    Carla Fernanda

    ResponderExcluir
  14. te importaria poner en tu blog un traductor??? de ese modo todos podriamos leer lo que escribes..
    saludos

    ResponderExcluir
  15. Silvio, voce é um querido!!

    O Poeta mais poeta que eu conheci!

    Um abraço grande!

    ResponderExcluir
  16. Ui... Que arrepio!
    Tua maneira caliente e suave com que desvendas um corpo nu em volúpia é fascinante!
    Tem que ser muito puro e afoito pra dizer do sexo coisas fortes parecendo falar ao falar de uma flor.
    Beijos e estou feliz com sua visita ao meu cantinho.
    Goretti Albuquerque

    ResponderExcluir
  17. Parabéns, saber expressar assim desejos tãos firmes sem ser medíocre ou grotesco... Belo texto!

    ResponderExcluir
  18. Ei!
    Que bela narraativa de momentos tão impares
    apesar de plurais.
    Adorei que foi me ver no blog.
    Me acende a memoria...não lembro de onde nos cruzamos na blogsfera.
    Vou te seguir com s outros 3 blogs, dai passa por la.
    Bjins entre sonhos e delírios

    ResponderExcluir
  19. Lindíssimo texto... Silvio....
    Verdadeiramente, agoniante, para quem está lendo....e angustiante, para quem tem fome....Além de incendiar a minha luz você me incendiou completamente....

    Beijos....

    Marilis

    ResponderExcluir
  20. Agradecida pela visita, gostosa, no meu espaço....
    Senti-me honrada...com sua presença....
    bjosssssssssss

    ResponderExcluir
  21. Sensualidade latente... desejo a flor da pele!!!!

    Andreia Sieczko

    ResponderExcluir
  22. Sensualidade latente... desejo a flor da pele!!!!

    Andreia Sieczko

    ResponderExcluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.