terça-feira, 31 de julho de 2007

VEM, ANDA! ESTOU ESPERANDO POR VOCÊ.



Fiquei confuso quando soube que tu estavas pra chegar.
Troquei o meu estado de apreensão e medo pelo da
ansiedade e da alegria. Aí eu esperei e tu não vieste...
Queria tanto a tua presença, mas tu nem ficaste sabendo
que eu te esperava.
Fiquei triste com isso, mas com a tua doce mãe ao meu
lado eu entendi e resolvi esperar o tempo que tu quiseres.
Não desisto, porque não tenho sonhos quiméricos.
Eu desejo e quero que tu sejas o meu filho, dividir entre
nós o melhor que o ser humano pode ser e juntos, sem
posses, verdades e mentiras amar a tua mãe que de tão
bonita e doce, nos ama aos dois como ama a tua irmã.
Obrigado por insinuares a tua presença e desculpe o meu
desejo de ser totalmente teu.

silvioafonso

Um comentário:

  1. Nada mais a dizer.
    A não ser...
    - Meu filho, eu também estou esperando por você!

    Sua doce mãe.

    ResponderExcluir


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.