segunda-feira, 25 de junho de 2007

O NINHO E A ROCHA.

Como as águias eu construiria a minha casa longe da inveja
e da cobiça dos predadores, para que aos 30 anos eu visse
grandes o meu bico e as minhas garras não podendo, com isso,
caçar para sobreviver. Mesmo que eu pudesse as minhas penas
estariam tão maiores e as minhas asas tão pesadas, que do vôo
eu não retornaria. Com o que sobrasse do meu bico eu arrancaria
as minhas unhas e nas rochas tiraria o que restasse do meu bico
sob intensa dor. Esperaria o renascimento dessas armas de caça e
defesa e se não morresse, viveria outros 40 anos em pleno
esplendor da minha sorte e do meu desejo de viver.

silvioafonso

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Diga o que quiser do jeito que você souber.




.